Amor Estúpido e Louco

No outro dia pus-me a ver o Ryan Gosling em ‘Amor Estúpido e Louco’. E eu, que até nunca lhe achei piada nenhuma - curioso: porque em fisionomia e estrutura tem certas parecenças com uma pessoa que eu cá sei… - fiquei a adorá-lo. E juro que não é dos abdominais. Juro, juro. É dele. Está giro, está ‘querido’. Pronto, acordei com este pensamento e quis só ‘partilhá-lo’.