As fotos são do REFÚGIO DA VILA, em Portel. Um Hotel Rural muito acolhedor (consta do Guia Michelin 2012), com um serviço fantástico (empregados muito simpáticos e comida 5 estrelas) e uma aura romântica de fazer inveja (a quem não puder ‘aproveitá-la’) pela lenda que lhe está associada (também): o símbolo é um CAVALO, está situado a 40km de Évora, de Beja, de Moura e de Reguengos (exatamente a distância percorrida num dia por um cavalo, na época medieval); conta a História que um dia um cavaleiro que se dirigia ao castelo (soberbo e logo ali ao lado) teve de se abrigar num túnel devido a uma tempestade. Caminhou até encontrar uma casa, que no jardim tinha uma bungavília muito bonita e onde viu passar uma senhora pela qual se apaixonou. Os seus olhares cruzaram-se e ela veio saber de que precisava o cavaleiro. Desde então, aquele túnel, onde hoje está edificado o hotel (a bunganvília permanece no seu interior), foi testemunha de um caso de amor entre o cavaleiro e a mulher (casada).

Bom pretexto para pernoitar por lá na noite de S. VALENTIM, não? :)

O que vêem na imagem (pratos) é: ‘frigideira de enchidos’ (o cestinho ao lado é o cesto do pão; um mimo!) e as típicas migas alentejanas. M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O-O-O-O…

Eu vim de lá POPOTA.

Fotografia: Inês Alves