Estava para aqui a pensar...

… (ainda) 

… como é fácil esquecer quem, por qualquer motivo, não deixou saudade.

Deve ser, aliás, a pior das sensações para um ser humano: não deixar saudade. 

Significa que não ficou nenhuma marca, que passou só por passar, que no limite nem aconteceu.

Só nos lembramos quando, sem razão ou previsibilidade, regressa.

É triste, talvez - e felizmente - pouco comum, mas acontece.

E é aí que pensamos, divididos entre a surpresa e o ridículo, mais ou menos isto: wtf?!  (pronto, desculpem-me).