Não é exatamente verdade que tenha malas de primavera. Também não é exatamente verdade dizer que não as tenho. Digamos que não tenho malas específicas, mas que uso umas mais do que outras em determinadas estações.  Também não acho que padronizar seja a solução e chateia-me a expressão ‘este ano vai usar-se’. Gosto logo de acrescentar ’o(s) sufixo(s)’: ‘o que se quiser, bem se entender, estiver para aí virado’. Mas obviamente que existem tendências, e obviamente que as observo, e obviamente que elas me influenciam. De certo modo. Por isso, falar-vos assim da mala X e da cor Y não consigo. Quer dizer, era capaz de vos falar das intemporais. Isso era. Mas enquanto não podemos chegar-lhes, há opções com estilo que dá para aproveitar. Gosto destas (a mais pequena é uma carteira). O amarelo é a consequência de uma tendência que por qualquer motivo aprecio. O qualquer não devia estar aqui; o motivo é a tendência da qual gosto graças ao marketing massivo. Pronto, é isto.  Estes modelos encontram na SPARTOO e parecem-me muito giros para andarmos por aí a passeá-los. :)) P.S - Preciso desabafar uma pequenina futilidade: é que estou muito, mas mesmo muuuuuito triste por ver o meu armário reduzido a um número miserável de roupa, sapatos, malas e outros acessórios. Ai que tanta falta vocês me fazem!   

Não é exatamente verdade que tenha malas de primavera. Também não é exatamente verdade dizer que não as tenho. Digamos que não tenho malas específicas, mas que uso umas mais do que outras em determinadas estações. 

Também não acho que padronizar seja a solução e chateia-me a expressão ‘este ano vai usar-se’. Gosto logo de acrescentar ’o(s) sufixo(s)’: ‘o que se quiser, bem se entender, estiver para aí virado’. Mas obviamente que existem tendências, e obviamente que as observo, e obviamente que elas me influenciam. De certo modo.

Por isso, falar-vos assim da mala X e da cor Y não consigo. Quer dizer, era capaz de vos falar das intemporais. Isso era. Mas enquanto não podemos chegar-lhes, há opções com estilo que dá para aproveitar.

Gosto destas (a mais pequena é uma carteira). O amarelo é a consequência de uma tendência que por qualquer motivo aprecio. O qualquer não devia estar aqui; o motivo é a tendência da qual gosto graças ao marketing massivo. Pronto, é isto. 

Estes modelos encontram na SPARTOO e parecem-me muito giros para andarmos por aí a passeá-los. :))

P.S - Preciso desabafar uma pequenina futilidade: é que estou muito, mas mesmo muuuuuito triste por ver o meu armário reduzido a um número miserável de roupa, sapatos, malas e outros acessórios. Ai que tanta falta vocês me fazem!